Shiatsu

O shiatsu é a massagem com a pressão dos dedos. Uma técnica Oriental, apesar de reconhecida na Medicina Tradicional Chinesa, foi registrada no Japão como técnica independente de massagem. Ele trabalha em pontos específicos, chamados de “tsubos” que formam canais energéticos do corpo- meridianos, que se conectam com os órgãos interiores.  Dentro dos Meridianos circula, além de outras substâncias, a energia vital, chamada de Ki pelos japoneses ou Chi pelos chineses.

A Medicina Oriental acredita que as doenças são originadas pela desregulação de energia nos meridianos. A ciência já provou que  doenças “modernas” como depressão, estresse, insônia, ansiedade e câncer são consequências de desequilíbrios emocionais, ideia compatível com a crença Oriental. Talvez por isso, cada vez mais o Ocidente aceita a prática da medicina alternativa para tratamento e prevenção de doenças.

O principal objetivo do Shiatsu é manter ou (re)estabelecer o equilíbrio energético entre o corpo-mente, a fim de prevenir ou tratar disfunções que sejam causadas pelo desequilíbrio dessa energia. Libera a musculatura do corpo e provoca a harmonização do individuo atuando nos pontos de energia vitais. É indicado para  tratamento de distúrbios músculo- esqueléticos, prevenção de patologias psicossomáticas e males caudados pelo stress.

O trabalho é feito com a utilização apenas das mãos, sem auxilio de aparelhos ou objetos. A maioria das manobras é feita com a pressão dos polegares, mas também existem manobras com outros dedos e com a palma das mãos. Com execução desses movimentos são desfeitos nódulos de tensão, aumenta a circulação sanguínea, alonga a musculatura, alinha a coluna vertebral e provoca o relaxamento.

Existe ainda o  Shiatsu Facial, massagem  na face e em toda a cabeça com fins terapêuticos e estéticos para o equilíbrio da pele e de todo o organismo. O Shiatsu tem também efeito benéfico em mulheres gravidas, geralmente o tratamento começa após o terceiro mês e traz ótimos resultados, muitas mães relatam que melhoram a parte circulatória, evitando inchaços, trata a dor lombar, dores nas pernas, além de melhorar a disposição e posteriormente facilitar o momento do parto.

O Shiatsu veio agregar valor significativo na Medicina Ocidental, seguindo o exemplo do Oriente com técnicas preventivas que aumentam a expectativa e qualidade de vida. A preocupação agora é verdadeiramente entender o que seu corpo está dizendo, investigar as causas de problemas, eliminar tensões e restabelecer a ordem do corpo físico e energético.

2 respostas
  1. Antonio
    Antonio says:

    Olá,

    Meu nome é Antonio e estava dando uma pesquisa em sites parecidos com o meu, e encontrei o seu.

    Também tenho um site que fala sobre [saude] o site é [http://tutorsaude.com/] e trabalho muito nele para sempre ter o melhor conteúdo.

    O fato é que não pude deixar de notar o seu site e percebi como ele é fantástico. O conteúdo que você tem nele é muito bom, totalmente de ótima qualidade e bom gosto.

    Alem disso percebi que a estrutura de todo o site esta muito boa, com certeza é mantido por uma pessoa de muito bom gosto, parabéns.

    Como eu disse também tenho um site sobre [http://tutorsaude.com/], é um site novo, mas estou trabalhando muito nele e a audiência vêm crescendo muito a cada dia.

    Minha intenção com este email é fazer parceria com você, oferecer para você escrever um artigo para meu site,
    e no final do artigo você deixara a url de seu site, para as pessoas acessar seu site.

    O que você acha?

    Att, Antonio.

    Responder
    • Keitty Fernandes
      Keitty Fernandes says:

      Olá Antônio, bom ter por aqui parceiros na mesma área. Acabei de olhar o seu site e também gosto desse tipo de conteúdo. Bom ter esse espaço democrático para trocar idéias e informações.
      Sou também colunista semanal no site http://www.rionoticias.com.br e teri o maior prazer de colaborar com o seu site. Me envie seus contatos e a proposta para o email: keittybz@gmail.com para formalizarmos a nossa pasceria.
      Att, Keitty

      Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *